Giro DBV Social @By Marcia Cruz

Justiça aceita denúncia contra estudante que tuitou que "nordestino não é gente".

06 junho Marcia Cruz 0 Comments

A Justiça Federal de São Paulo aceitou a denúncia, por crime de racismo, contra a estudante de direito Mayara Petruso. A universitária insultou nordestinos no Twitter, ao postar "Nordestisto (sic) não é gente. Faça um favor a Sp: mate um nordestino afogado!", no dia 31 de outubro de 2010. A denúncia foi oferecida pela Procuradoria da República de São Paulo.
A estudante postou a frase após se irritar com o resultado do segundo turno das eleições para Presidente da República, que levou Dilma Rousseff (PT) ao cargo. A mensagem de Mayara foi criticada por milhares de internautas, que levaram o assunto ao Trending Topics do microblog.
No caso de Mayara, a punição pode ser maior que a pena estipulada para crimes de racismo praticados fora das redes sociais, já que a mídia social difunde a mensagem para um público muito maior. A pena prevista é de 2 a 5 anos de prisão e multa.
Segundo o jornal O Globo, o processo correu em sigilo até chegar a Justiça Federal de São Paulo, enquanto o Ministério Público Federal (MPF) comprovava a autencidade do perfil da estudante.
Fonte: Portal Comunique-se