DBV,

Chef Junior Torres representará Sergipe no Dólmã 2017

22 setembro Marcia Cruz 0 Comments




Realmente, ser gourmet é uma arte, e ela faz parte do Bem Viver. Em Aracaju, um dos meus chefs preferidos é o Junior Torres, e fiquei muito feliz com a notícia de que ele ganhou o concurso profissional do Enchefs-SE 2017, que aconteceu durante o Encontro de Chefs, dias 15 e 16 de setembro, promovido pela Unit, e agora irá representar Sergipe no Dólmã - um dos maiores prêmios da Gastronomia brasileira -, que acontecerá em novembro deste ano, em Fortaleza/CE.

Juntamente com outros quatro finalistas - Dilson Cavalcanti, Giuseppe Oliveira, Fernando Fraga e Carmen Luiza -, Junior Torres teve 90 minutos para preparar um prato criado na hora com insumos e proteínas surpresas (a exemplo de aratu, charque, cordeiro), que, em seguida, foi avaliado pela banca julgadora. Bem ao estilo Master Chef (Rede Band), só que ao vivo e com muita expectativa.


Sem perder tempo e com muito foco e profissionalismo, Junior Torres preparou um prato recheado de ingredientes regionais que valorizam a cultura gastronômica sergipana: um carré de cordeiro acompanhado de um aligot de inhame cará, um caju grelhado com redução de umbu-cajá, cachaça, urucum e brotos de agrião. Arrasou, e ganhou o concurso!!

Mineiro de nascença e sergipano de coração

Edmárcio Torres Macedo Junior, ou simplesmente Junior Torres, nasceu em Minas Gerais e hoje é sergipano de coração. Com 16 anos de experiência na Gastronomia, Junior veio para Sergipe a convite do restaurante Urbano Gastronomia (onde hoje funciona o Maini, na Coroa do Meio), e se apaixonou por Aracaju. Depois do Urbano, ele já trabalhou no One Lounge (atual Talhado), na Home Chef Gourmet, inaugurou o 705 Aracaju, a choperia Let It Beer, o Bistrô 74, em Estância, e desde maio está no Buana Restaurante e Eventos, da amiga jornalista Madalena Sá (de volta ao comando do caderno Olho Vivo, do Cinform). 

O Buana reabriu em maio e está uma delícia. Fica na Rua Antônio Andrade, 1360, na Coroa do Meio, em Aracaju. Super recomendo!!

Enchefs: inspiração e incentivo para quem ama Gastronomia 

O Enchefs-SE elegeu também um estudante: Luciano Moreira, 40 anos, aluno de Gastronomia do 3º período. O universitário conquistou o paladar dos jurados ao fazer uma banana da terra recheada com aratu, salteada na cachaça, com molho redução de cachaça com umbu-cajá sob um biscoitinho de caju e gengibre e um crispy de couve. Luciano largou a advocacia para se dedicar ao que realmente ama: a gastronomia. E, pelo jeito, fez a coisa certa!!

Luciano Moreira trocou a Advocacia pela Gastronomia e faturou o prêmio como estudante
 Além do concurso gastronômico, o Enchefs-SE 2017 teve palestra, talk show e aulas shows com quatro chefs convidados - Fabrício LemosLisiane Arouca (ambos do Restaurante Origem - Salvador/BA), Leonardo Roncon (do programa “Chefs em Ação”/SP), e Suellen Lima, chef de cozinha, coordenadora do evento e embaixadora da Gastronomia de Sergipe - eleita no Prêmio Dólmã 2016. Sem dúvida, o Enchefs é uma fonte de inspiração importante para os iniciantes da Gastronomia, e serve também para promover a Gastronomia no Estado.




Parabéns a toda a equipe do evento,em especial a professora Katia Viana, coordenadora do curso de Gastronomia na Universidade Tiradentes (Unit), que promoveu o evento pelo segundo ano, e, mais uma vez, ao Chef Junior Torres, que irá representar Sergipe em novembro no Prêmio Dólmã. Estaremos na torcida!! 


DBV Confere e traz a notícia pra vc!! Até mais!!