Comportamento,

5 Dicas para você ter mais Inteligência Emocional e sucesso

29 junho Marcia Cruz 0 Comments



Conforme prometido na postagem anterior (Confira Aqui), hoje irei falar sobre os principais problemas de relacionamento no ambiente corporativo, e como você pode (e deve!) melhorar em relação a isso.

Você sabia que na maioria das vezes as pessoas são admitidas pelo seu QI (Quociente Intelectual), mas somente se manterão na organização pelo seu QE (Quociente Emocional)? Se você é profissional liberal, autônomo ou empresário, o QE também é fundamental para você manter relações sadias e ter um bom conceito no mercado.

O Quociente Emocional está diretamente ligado à nossa Inteligência Emocional, que nos ajuda a conhecer e a saber lidar com nossas emoções.

Para te ajudar a refletir e a melhorar seus relacionamentos, vou falar de cinco atitudes que você deve avaliar se faz parte da sua rotina e, se fizer, te aconselho a mudar.  Garanto a você que o esforço valerá à pena!!


1. Mau humor e antipatia

Vamos combinar que é muito chato conviver com pessoas rabugentas e antipáticas. Elas sempre reclamam de tudo, trazem consigo uma tempestade de negativismo e acabam sendo também antipáticas.

Como falei na postagem anterior (CLIQUE E LEIA), nossos problemas pessoais não devem interferir nas questões profissionais. Devemos buscar resolvê-los e, se preciso, buscar ajuda profissional para isto.

A vida é passageira e não vale à pena perdermos tempo contaminando nossa alma com mau humor, que nos deixa irritados e, por isso, antipáticos. Alegria no espírito também é essencial para uma vida mais equilibrada, produtiva e próspera!!

Que tal cumprimentar as pessoas ao chegar e sair do trabalho? Que tal sorrir um pouco mais? Que tal viver um enredo mais leve e feliz? Você é o principal roteirista da sua vida, pois a você cabe as suas escolhas, portanto, cuide melhor de si mesmo. O maior beneficiado será você mesmo e, em consequência, o mundo ao seu redor. Experimente!!

Também lembre-se de usar algumas palavrinhas “mágicas”, como por favor e obrigado (a). Afinal, somos todos seres humanos vivendo neste planetinha lindo chamado Terra e cada um sabe a dor e a delícia de ser o que é. Ter cordialidade ajuda a termos uma convivência melhor.  


2. Evite fazer parte de “panelinhas”

Claro que é normal termos mais afinidade com algumas pessoas do que outras, mas isto é bem diferente de criar “panelinhas” e grupos rivais, que só fomentam fofocas e conspirações, tornando o ambiente corporativo pesado e estressante.

Procure manter contato com todas as pessoas — da recepção à diretoria -, e foque em suas responsabilidades profissionais. É para isto que você é pago!!

Se for empresário, lembre-se que toda a equipe é importante para o sucesso do seu negócio, então, fique de olho nas “panelinhas” e não incentive este tipo de situação. Vale muito mais à pena ter uma equipe coesa, unida e remando junto para o mesmo objetivo, do que uma equipe cheia de disputas antiéticas que só vão atrapalhar o desenvolvimento e o sucesso efetivo, pelo menos a longo prazo, de seu negócio.


3. Não ter paciência para ouvir o outro

Esta é outra atitude que você deve rever, caso a tenha. Saber escutar é fundamental para um diálogo realmente produtivo. Todo mundo gosta de ser valorizado, e perceber que o outro nos escuta, de fato, é super importante. É uma atitude de respeito ao outro.

Mas é uma via de mão dupla: ser escutado, mas também aprender a escutar. Ou vira monólogo, não é mesmo?

O fato de você ouvir não significa que vai concordar, mas vai tornar o diálogo mais producente. E jamais leve a discussão para o campo pessoal. Foque nas questões práticas e profissionais.

Respeito é sempre muito bom. A si mesmo, e ao outro!!


4. Pare de atrasar seus compromissos

A pontualidade também é uma forma de respeito. Procure ser pontual nas reuniões e também nos compromissos firmados, cumprindo os prazos determinados para entrega de relatórios, projetos e/ou e-mails.

Caso não tenha como chegar no horário ou cumprir o prazo combinado, comunique às pessoas envolvidas. Elas merecem uma satisfação.

Da mesma forma, também cobre feedback. Afinal, o respeito deve ser uma via de mão dupla!!


5. Bagunça generalizada

Sabe aquela mesa toda bagunçada que você diz: “só eu mesmo sei me encontrar aqui”. E ainda pede que ninguém mexa em nada, para você não ficar perdido. Não é assim?

São somente desculpas para você não ser uma pessoa organizada. É preciso vencer a preguiça e entender que a organização é uma coisa muito boa, que agiliza nosso dia a dia, pois é muito melhor viver num ambiente limpo e onde as coisas estejam em seus devidos lugares, do que em meio ao caos.

Inclusive, as coisas inúteis, que devem ir para o lixo ao invés de ficar abarrotando sua mesa de inutilidades.


Aproveite e pratique estas atitudes também na sua vida pessoal. As pessoas vão gostar das mudanças, e você vai se sentir muito mais feliz e produtivo.

Até o próximo post!!

Marcia Cruz

0 comentários: