RECEITAS DBV

MAIS NOTICIAS DBV

A calvície deve ser encarada como doença?



Uma realidade dolorosa: a calvície deve ser encarada como doença? Conheça os tipos de calvície e saiba mais sobre essa condição autoimune que afeta tanto homens quanto mulheres.

Toda mulher fica louca quando percebe que seus cabelos estão caindo, e isso ocorre mesmo quando a quantidade de fios que caem é uma quantidade normal.

Geralmente relacionada ao sexo masculino e quase nunca tratada com a seriedade que merece, a calvície não é mais um problema só dos homens, e está cada vez mais afetando mulheres no mundo todo, inclusive as mais jovens.

Os primeiros sinais do problema costumam aparecer entre 20 e 25 anos em ambos os sexos. O chefe do setor de dermatologia do Hospital Israelita Albert Einstein, Mário Grinblat destaca que:

“Pequenas quedas de cabelo são normais em certas doenças sistêmicas ou em casos de distúrbios psiquiátricos ou até mesmo em pacientes com oleosidade excessiva da pele, o que inclui o couro cabeludo”.

Além disso, relatórios do FDA (Food and Drug Administration) apontam que mais de 20 milhões de mulheres nos Estados Unidos possuem calvície.

Por outro lado, no Brasil, aonde não há estudos sobre o tema, especialistas estimam uma proporção semelhante, ou seja, aproximadamente 15% do público feminino.

Segundo a Dra. Daniela Bornea, Farmacêutica e Bioquímica formada pela USP e Diretora Técnica da Madarrô Cosméticos, “alopecia, conhecida popularmente como calvície, significa ausência ou diminuição dos pelos”, e pode ser classificada de várias formas.

Tipos de alopecia

Androgenética: a mais comum entre as alopecias, está relacionada a fatores genéticos, distúrbios hormonais ou pós-parto, estresse e processos infecciosos. Ocorre nos dois sexos.

Areata: acredita-se que este tipo de alopecia seja causado por motivos emocionais e autoimunes, e a aplicação tópica de esteróides pode ser usada como opção de tratamento.

Alopecia induzida: causada por estresse.

Tração: Este tipo de alopecia é causada com a constante tração intensa em penteados, como as famosas trancinhas afro e rabos de cavalo. Inicialmente é tratável, mas pode se tornar irreversível.

Quimioterapia: também pode causar alopecia, porém temporária. O novo cabelo pode apresentar formato, volume e cores diferentes.

“A manipulação inadequada de cosméticos e produtos de beleza também pode representar um fator agravante à calvície”, explica Grinblat.

O que gera calvície?

Ainda não existe uma causa específica que seja comprovada pela ciência sobre a calvície. Por isso, os tipos apresentados anteriormente são os possíveis motivos.

Além disso, ainda com tais circunstâncias é difícil realizar o diagnóstico preciso. Como resultado, o histórico do paciente é a principal ferramenta.

Tem cura para a calvície?

Ainda não existe cura para a calvície. Porém, sabe-se que ela está relacionada ao níveo de testosterona no corpo, o que justifica que os homens sejam os mais prejudicados pela condição.

Por outro lado, existe diversos tipos de tratamentos que pode reverter o quadro por tempo determinado.

É possível reverter a calvície?

Em alguns casos, sim. Com o avanço das tecnologias estéticas e farmacêuticas, atualmente existe uma série de tratamento específicos para tratar a calvície.

Porém, é importante destacar que o tratamento pode ser diferente entre homens e mulheres. No geral, dermatologistas costumam utilizar medicamentos como primeira forma de tratamento.

Caso não haja reparação, é necessário investir em técnicas mais invasivas.

Conclusão

A calvície é uma condição autoimune que afeta tanto homens quanto mulheres. Além disso, não há cura mas pode ser tratada.

Por isso, é importante que aos primeiros sinais de queda excessiva de cabelo ou ao notar que os fios estão mais ralos do que o normal a pessoa procure um médico dermatologista.

Como resultado, após avaliação, ele poderá avaliar qual o melhor tratamento para o caso.

Por Leandro Montesino / MMeilus Studio 
(Editado e atualizado por Diana Diniz / Fashion Bubbles)
 


Metaverse Fashion Week: primeira semana de moda no metaverso acontecerá de 24 a 27 de março.


O
metaverso vem crescendo a cada dia, e agora é a vez da moda. Depois dos desfiles presenciais de inverno 2022 em Nova York, Londres, Milão e Paris, entre os dias 24 a 27 de março acontecerá a primeira edição do MVFW - Metaverse Fashion Week.

O evento acontecerá na Decentraland, que é uma plataforma de realidade virtual alimentada pela blockchain Ethereum e que é uma das referências mais conhecidas no metaverso e que vem mostrando interesse na moda.

Para você ter uma ideia de como o metaverso será um mercado grandioso, o terreno virtual na Decentraland para eventos de moda foi vendido por mais de R$ 13 milhões. Isso mesmo! Um espaço virtual, para eventos virtuais! Bem-vindos à realidade do metaverso!



O MVFW será um teste para que as grifes possam experimentar suas tecnologias e as possibilidades dentro deste novo mercado, que só cresce a cada dia, como já comentei, e numa enorme rapidez. Se você ainda não entende nada sobre este assunto, sugiro que comece a estudar sobre o mesmo para não ficar para trás!

O evento já tem desfiles confirmados de grifes internacionais como Paco Rabanne, Etro, Tommy Hilfiger, Dundas, Cavalli, Nicholas Kirkwood, Dolce & Gabbana e Elie Saab. A Hugo Boss esteve entre as primeiras a anunciar sua participação no evento, que foi anunciado em dezembro, mas cancelou a presença no fim de fevereiro, sem explicar o porquê.

Mas, pelo naipe das empresas participantes e pelo valor do terreno virtual, espero que você já tenha entendido que o metaverso veio para ficar e é também uma excelente oportunidade de investimento e novos negócios. Inclusive, na própria Ethereum, que é uma criptomoeda exigida para fazer compras neste espaço que está apenas começando, e com grandes marcas parceiras.

Além de acompanhar os desfiles virtuais, os participantes poderão comprar itens vestíveis no metaverso, as famosas skins, que serão apresentadas no decorrer do evento. 



Além disso, algumas peças digitais poderão não apenas ser revendidas para outros usuários virtuais, como também trocadas por versões físicas. Nas lojas da Metaverse Fashion Week, será possível encontrar QR Codes que, ao serem escaneados pela câmera do smartphone, disponibilizarão prévias dos itens físicos. 

Qualquer um poderá participar da Metaverse Fashion Week. Para isso, basta acessar pelo computador a Decentraland a partir do site da plataforma, usando Firefox, Google Chrome ou Brave. Entretanto, para uma experiência completa, será necessária a carteira digital Ethereum, que além de servir como conta pessoal, permite a compra das peças. 

A Decentraland criou uma FAQ, espaço que responde perguntas frequentes, com todas as informações que serão necessárias para ajudar os participantes e os anúncios de eventos.

Mais um conselho? Participe do evento e busque entender como vai funcionar o metaverso e abra sua cabeça para novas ideias e negócios neste novo mercado.

Por Marcia Cruz 





Receitas DBV: Brownie de batata doce



Que tal uma sobremesa saudável e deliciosa? Confira a receita de Ju Ferraz: brownie de batata doce! 

Maravilhosa! A receita surgiu de um desafio da Rede Snack para que a influencer, do canal TPM, refizesse uma receita de sobremesa do Masterchef, usando verdura, legumes ou raiz. 

O resultado foi esta receita incrível! Confira o passo a passo e mãos à obra!

Ingredientes:

200 g de batata-doce cozida;
2 ovos;
1 colher (chá) de óleo de coco;
½ xícara de açúcar mascavo;
¼ xícara de água;
2 colheres (sopa) de cacau em pó;
1/3 de xícara de farinha de trigo;
½ colher de chá de fermento em pó.

Modo de preparo:

Bata tudo no processador ou liquidificador e depois coloque as nozes trituradas, pode ser feito com avelãs também.

Coloque na forma e leve ao forno preaquecido de 160º a 180º C, de 20 a 25 minutos.

Dica da Ju Ferraz:

Quando formar uma crostinha por cima, fure ele com um palitinho, se ele sair molhado é o ponto do brownie, já pode tirar. Espere uns 5 minutinhos, antes de servir que ele vai cozinhar fora do forno. Corte em quadradinhos e coloque o chocolate derretido por cima. Eu usei o 70%.

Muito bom, né? Agora, é com você! Mãos à obra e bom apetite!


Casa Tau, no México: a mais cara do mundo no Airbnb

Localizada em Punta Mita, na costa sudoeste do México, a “Casa Tau” se tornou o Airbnb mais caro do mundo segundo um levantamento feito pela plataforma Casino Bee à revista Time Out: a diária custa R$ 79 mil pela plataforma. Pelo Tripadvisor, a reserva sai ainda mais cara: a partir de R$ 81 mil.  

Punta Mita é um conhecido destino de férias de famosos como Beyoncé, Lady Gaga e as irmãs Kardashians e também guarda as casas de veraneio dos grandes executivos das empresas de tecnologia, como Apple, Amazon e Microsoft. Leia mais sobre o luxo e o pitoresco nas regiões de Riviera Nayarit e Puerto Vallarta.  

Com capacidade para acomodar até 27 pessoas, a mansão que também já hospedou famosos como o rapper Ludarics, é a locação da série "Brincando com Fogo", da Netflix, um reality show que confina um grupo de jovens solteiros e sarados e os proíbe de qualquer tipo de contato íntimo – o que está em jogo é um prêmio de US$ 200 mil, que diminui a cada beijo, carícia ou afins.

A série pode não a todos, mas a mansão à beira-mar onde o desafio acontece é um espetáculo! 



A Casa Tau é vizinha de resorts luxuosos como o Four Seasons e o St Regis e conta com oito suítes em sua casa principal e outras quatro divididas em duas casas de hóspedes, além de 16 banheiros, banheira de hidromassagem, spa, academia, salão de jogos com mesas de bilhar e de pingue-pongue e sala de mídia com enormes Tvs e sistemas de som.

Planejada pelos arquitetos mexicanos Manolo Mestre e Juan Collignon, a decoração é caracterizada pelo imenso telhado de palha pelo uso de tons de areia e móveis de madeira. 


Do lado de fora, o que mais chama atenção é a piscina de borda infinita com vista para o mar, onde você também pode conferir lindos por de sol. 

Mas a área de lazer também inclui um terraço com churrasqueira e forno de pizza, rede de vôlei de praia, uma quadra de bocha, pranchas de surfe, pranchas de stand up paddle, caiaques e bicicletas. Sem falar, é claro, do acesso exclusivo a praia. 

A estadia também inclui o serviço de uma equipe composta por dois chefs, cinco cozinheiros e oito mordomos disponíveis 24 horas por dia. É só curtir a casa e a paisagem!

Quer alugar no AirBnb? CLIQUE AQUI e consulte as datas disponíveis para fazer a sua reserva!

Assista o vídeo da Casa Tua. Realmente, muito linda! 


Brigadeiro de Biomassa de Banana Verde (conheça também os benefícios!).



Quem nunca experimentou, precisa experimentar! E, já vou avisando: vai viciar!

O brigadeiro de biomassa de banana verde é muito gostoso, e a consistência fica super parecida com o brigadeiro comum, só que é muito mais saudável! 

Confere só os benefícios e, na sequência, a receita da biomassa e do brigadeiro de biomassa, para você fazer em casa. 


BENEFÍCIOS DA BIOMASSA DE BANANA VERDE

A biomassa de banana verde melhora o sistema gastrointestinal, pois contém amido resistente, que é um tipo de amido que não pode ser decomposto por enzimas no sistema digestivo e, portanto, atuam como as fibras.

A biomassa de banana verde é rica em fibras solúveis e insolúveis, auxiliando na regulação do sistema intestinal, reduzindo a quantidade de toxinas, ajudando na limpeza das micro vilosidades do intestino e melhorando, assim, a absorção dos nutrientes. Se você tem problema de constipação, por exemplo, a biomassa de banana verde é perfeita para você resolver o problema de forma 100% natural!

Além disto, como ela tem muita fibra, aumenta a sensação de saciedade, evitando os picos de fome ao longo do dia, ajudando no emagrecimento.

Uma porção de uma xícara de banana verde contém 3,6 gramas de fibras, contribuindo com cerca de 14% do total de fibras necessárias por dia.

E sabe o que mais? Ela também ajuda a controlar a glicemia e a reduzir as taxas de colesterol, sendo excelente também na prevenção do câncer de cólon.

A biomassa de banana verde também é rica em vitamina B6, que é fundamental para ajudar a manter a pele saudável, auxiliando no tratamento de inúmeros problemas como acnes, pele seca, entre outros. Além disso, esta vitamina também auxilia na melhoria da aparência das unhas e evita a queda de cabelo. 

Um outro benefício incrível da biomassa de banana verde é que ela ajuda na redução da pressão arterial, pois contém altos teores de potássio, que é um mineral que atua no controle da pressão. Uma porção de uma xícara de banana verde contém em torno de 531 miligramas de potássio.

E, por fim, ela também melhora o sistema imunológico. Afinal, a microbiota intestinal saudável é fundamental para a produção de uma substância anti-inflamatória chamada citocina, que atua melhorando o sistema imunológico e ajudando os anticorpos a trabalharem de forma mais eficiente. Algo muito importante em tempos de covid!

E depois de tantos benefícios, e sabendo que você pode ter um brigadeiro gostoso e saudável, o que resta é colocar a mão na massa, não é mesmo? Vamos a receita?



FAZENDO A BIOMASSA DE BANANA EM CASA

A biomassa de banana verde é vendida em casas de produtos naturais, em caixa, mas o ideal é você fazer a biomassa em casa mesmo, pois fica muito mais saudável e sai bem mais barato, e saborosa!

Faça uma quantidade grande e congele. O ideal é que você consuma 30 gramas de biomassa de banana verde por dia, o que equivale a uma colher de sopa. Faça a biomassa e guarde em potes de 250 gramas, para ir usando.

Mas assista este vídeo e aprenda como fazer isto de forma correta! Eu mesma já fiquei desestimulada por não entender os segredinhos revelados por Samantha Castro neste vídeo. CLIQUE AQUI e assista! 

RECEITA DA BIOMASSA DE BANANA VERDE

Ingredientes

8 a 12 bananas verdes (bem verdes, ok?)
Água até cobrir a fruta na panela de pressão

Como preparar

Tire as bananas do cacho mantendo o cabo. Tome cuidado para não deixar nenhuma parte delas exposta.

Lave as bananas com água e sabão.

Coloque a água em uma panela de pressão, e quando ela começar a ferver coloque as bananas.

Feche a panela e quando começar a apitar, deixe por mais 20 minutos. 

Em seguida desligue o fogo e deixe a pressão sair.

Abra a panela, retire as bananas e espere elas esfriarem para poder descascá-las.

Sem casca, bata as bananas no liquidificador com um pouco de água quente até virar um creme.

Reserve uma parte para fazer o brigadeiro (250 gramas), e congele o restante em potes de 250 gramas, no congelador. Importante: sem encher o pote totalmente, pois ela aumenta o volume quando congela. E assista as dicas do vídeo, CLIQUE AQUI!

Agora, vamos ao brigadeiro! 



BRIGADEIRO DE BIOMASSA DE BANANA VERDE

Ingredientes:

250 gramas do creme de biomassa de banana verde que você fez
250 gramas de açúcar demerara
75 gramas de cacau em pó (no mínimo com 50% de cacau)

Modo de fazer:

Numa panela, misture o creme de biomassa de banana verde e o açúcar demerara.

Depois, acrescente o cacau em pó.

Misture bem e leve a panela ao fogo baixo, mexendo sempre. 

A partir daqui o processo é bem semelhante ao brigadeiro tradicional. Mexa bem, até desgrudar da panela.

Só um detalhe: se você quiser enrolar o brigadeiro, depois que ele ficar pronto (desgrudando da panela), coloque num prato, deixe esfriar e guarde na geladeira de um dia para o outro, para que a consistência fique perfeita para fazer as bolinhas. 

Se já quiser usar a receita neste ponto, mais cremosinho, você pode fazer fazer brigadeiro de colher, ou pode usar como cobertura de chocolate em bolos, panquecas, waffles etc. Fica uma delícia!


Mas, como o que a gente quer mesmo é o brigadeiro, reserve na geladeira e monte as bolinhas do brigadeiro no dia seguinte. 

No mais, com as bolinhas prontas, basta colocar granulados de sua preferência, cacau em pó, lascas de amêndoas, coco ralado... o que você preferir... e se deliciar!


Te desafio a fazer a receita e a experimentar! 

Você vai ter um brigadeiro perfeito, saboroso, só que muito mais saudável, pois já te falei de todos os incríveis benefícios da biomassa de banana verde. 

Ah, a gente já publicou duas receitas aqui no DBV (CLIQUE AQUI para rever!), mas esta, de hoje, é a melhor de todas, pois é a tradicional, e fica perfeita!

Até a próxima postagem!

Afinal, como usar a cor Pantone 2022, Very Peri, na decoração?



Há mais de 20 anos, a Pantone, considerada a principal empresa de cores do mundo, indica as principais tendências de cores mais relevantes para o mercado, como um todo, desde a moda, na indústria têxtil, como também na indústria gráfica, design gráfico, design industrial, embalagens de produtos e na decoração de interiores.
 
E, nesta postagem, vamos focar no uso da cor Pantone 2022, Very Peri, na decoração, para que você saiba como usar essa cor incrível em sua casa. Inspire-se nas sugestões!

Mas antes, vamos entender um pouco mais sobre a cor Very Perini. Como ela foi escolhida e o que ela simboliza. Vamos lá?




Pantone Color Institute: Como funciona
 
A escolha da cor do ano é feita pelo Pantone Color Institute, que é uma instituição de negócios que pertencem a Pantone, a principal empresa de cores do mundo, e tem como objetivo destacar cores sazonais que serão tendência. Por isso, a cor do ano prevê o que o mundo espera para roupas, produtos e identidade visual, como já falamos no início.
 
Para chegar à seleção a cada ano, os especialistas em cores da Pantone, no Pantone Color Institute, vasculham o mundo em busca de novas influências de cores. Isso pode incluir a indústria do entretenimento e filmes em produção, coleções de arte em viagem e novos artistas, moda, todas as áreas do design, destinos de viagens populares, bem como novos estilos de vida, estilos de diversão e condição socioeconômica.
 
Além disso, a equipe também avalia o cenário da tecnologia, texturas, materiais, mídia sociais, eventos esportivos, entre outros. Ou seja, é um trabalho de pesquisa grandioso e por isso tão respeitado, em todo o mundo.
 
Mas e como eles chegaram a Very Peri e o que ela significa? É o que veremos a seguir.




Very Peri: Cor do ano 2022
 
A Very Peri traz a gratidão e paz transmitida pelo tom azul, integrando-se com uma perspectiva futura a partir de uma nova luz refletida através do violeta, que traz um toque de espiritualidade, proporcionando a purificação do corpo e da mente, e da libertação de medos e inquietações.
 
“O design digital nos ajuda a esticar os limites da realidade, abrindo as portas para um mundo virtual dinâmico, onde podemos explorar e criar novas possibilidades. Com as tendências nos jogos, a crescente popularidade do metaverso e a crescente comunidade artística no espaço digital PANTONE 17-3938 Very Peri ilustra a fusão da vida moderna e como as tendências de cores no mundo digital estão se manifestando no mundo físico e vice-versa”, explica a marca.
 
“Exibindo uma confiança despreocupada e uma curiosidade ousada que anima nosso espírito criativo, o curioso e intrigante PANTONE 17-3938 Very Peri nos ajuda a abraçar esta paisagem alterada de possibilidades, abrindo-nos para uma nova visão enquanto reescrevemos nossas vidas”, completa.
 
Ou seja, a cor contextualiza e representa a fusão do real com o digital que a gente vê crescer a cada dia, e de forma ainda mais acelerada após a pandemia de covid-19. O mundo está cada vez mais conectado e tecnológico, e tende a crescer com o crescimento do 5G e da inteligência das coisas e do metaverso, trazendo tendências de cores no mundo digital que estão se manifestando no mundo físico e vice-versa, como podemos ver na moda digital e nos NFT’s, por exemplo.


Ok, e como aplicar a Very Peri na decoração?
 
Como vimos, a Very Peri traz a gratidão e paz transmitida pelo tom azul, e integra-se com o violeta, que traz um toque de espiritualidade, proporcionando a purificação do corpo e da mente, e da libertação de medos e inquietações, gerando uma perspectiva futura positiva, tão necessária no mundo pós pandemia, não é mesmo?
 
Por isto, sem dúvida, esta é uma energia muito boa para termos em nossas casas, em nossos home offices e até mesmo em empresas. Porém, como ela também é uma cor muito marcante, é bom não abusar, pois nada em excesso é bom.
 
O ideal é usar a Very Peri em detalhes, seja dando cor a uma das paredes do ambiente, ou até mesmo o teto no ambiente, se quiser um toque mais ousado. Ou usar um estofado no tom, como uma poltrona, um sofá ou um puff, ou de forma mais delicada, em almofadas ou em algum objeto de decoração, ou mesmo na decoração da mesa.






A Very Peri também vai trazer um toque de modernidade ao ambiente e, por estar ligada a tecnologia, a cor fica perfeita quando associada a formas geométricas. Por exemplo, uma parede geométrica, um objeto em um formato marcante ou ainda quando usada para destacar alguma peça artística.

Seja numa porta, na fachada, na área externa, na sala, no quarto, na cozinha, no banheiro, o importante é que você use a cor combinando com o seu estilo, pois é você que vive no ambiente e precisa sentir-se bem.









 
Aproveite as dicas e inspire-se! Até a próxima postagem!

ScndHand: Moda circular com estilo!

Rebecca Pontes e Ingrid Vieira Moraes lançam o Second Hand Bazar

Você já conhece o conceito de Moda Circular? A modelo internacional, Ingrid Vieira Moraes (do Dicas Bem Viver), e a nutricionista materno infantil, Rebecca Pontes, se uniram com o objetivo de criar um bazar que fosse além de vender coisas usadas, e sim um local onde a moda possa, efetivamente, circular. Seja através de peças que estão paradas no guarda-roupa das pessoas, seja para ajudar lojistas a promoverem suas peças de forma conceitual, com curadoria de moda e estilo. E assim nasceu a Second Hand Bazar, que foi lançada oficialmente no dia 17 de janeiro de 2022, inicialmente apenas no Instagram - @scndhandbazar e SITE.

Na ScndHand Bazar você encontrará não apenas peças usadas (sempre em bom estado), mas também peças novas e esquecidas no guarda-roupa e, brevemente, produtos novos, em parceria com lojistas. E elas atendem todo o Brasil. Tanto para adquirirem as peças, como para venda.

“Pesquisas mostram que usamos cerca de 20% do que temos no guarda-roupa e a moda circular é uma excelente maneira de empreender e dar mais utilidade às peças, num conceito que também ajuda na preservação da natureza de forma prática, já que as peças passam a ter mais utilidade, circulando entre pessoas ao invés de ficarem, literalmente, mofando nos guarda-roupas. E é uma forma inteligente de renovar nosso closet, com economia e sempre com muito estilo”, explica Ingrid Vieira Moraes.

“A moda circular traz junto uma consciência socioambiental, pois pega roupas que estão paradas, muitas vezes esquecidas nos guarda-roupas, e as passa adiante, dando uma sobrevida às mesmas, e ajudando outras pessoas, que compram excelentes produtos por um preço muito mais em conta. É um conceito que veio para ficar e ficamos muito felizes em abraçar esta ideia”, diz Rebecca Pontes.

Apaixonadas por moda, Ingrid e Rebecca acompanham de perto todas as etapas, desde a seleção das peças, fazendo a curadoria, como também a produção dos vídeos, fotos e artes para as postagens e divulgação, além do atendimento aos clientes. 

Roupas, bolsas e calçados... brevemente, acessórios de moda. Quer desapegar? Tem boas peças? Procura a ScndHand (@scndhandbazar)!

CLIQUE AQUI e acesse o site da SCND HAND!


Petiscos gelados para seu dog se refrescar

 


Com esse calor, seu dog merece uns petiscos gelados para se refrescar. E se você tem dúvidas se cachorro pode tomar sorvete ou picolé, a resposta é sim, pode! 

Inclusive, esse é um petisco canino que costuma agradar bastante os peludinhos. A única atenção é que, ao contrário dos humanos, os cães não podem consumir sorvete ou picolé com adição de ingredientes como açúcar, leite, leite condensado e derivados. Na verdade, o petisco para cachorro deve ser preparado apenas com dois ingredientes: uma fruta de sua escolha (que não seja prejudicial para cães) e um pouco de água.

Algumas frutas para cachorro que podem ser oferecidas são: morango, manga, goiaba, kiwi, banana e pera. Dessa forma, basta pegar os pedaços da fruta descascados e sem sementes, adicionar água e bater tudo no liquidificador até criar uma consistência uniforme. 

Em seguida, é só colocar a mistura em forminhas de picolé e congelar! Os doguinhos amam e é super refrescante para os dias calorentos.


Opção com iogurte natural e frutas

Outra opção de petisco caseiro para cachorro é investir em receitas com iogurte natural (sem açúcar) e frutas. 

Aqui a lógica é a mesma do picolé, a diferença é que o iogurte dá uma textura diferente para o petisco. Ah, e o mais legal de tudo é que você pode juntar mais de uma fruta para deixar o alimento diferenciado!

Confira essa receita, a seguir.

Receita de petisco para cachorro com iogurte, banana e mamão

Ingredientes

Iogurte natural sem açúcar
Banana descascada
Mamão descascado sem semente

Modo de preparo

1) Bata todas as frutas em um liquidificador, sem cascas e sem sementes.

2) Coloque as frutas batidas em uma forminha de sorvete, sem deixar chegar ao topo, e congele por 1 hora.

3) Retire do congelador e adicione uma camada de iogurte dentro das forminhas.

4) Congele por 24 horas.

5) O petisco canino está pronto para ser servido!

Com informações da Pata da Casa.



Receita: Lasanha de Arroz Integral, Espinafre e Queijo


Esta receita de lasanha usa massa de arroz integral como substituta da massa de farinha de trigo tradicional. Espinafre e muito queijo cru – e uma surpresa crocante entre as camadas – fazem deste prato um destaque.

Ingredientes

¼ xícara / 60 ml de leite orgânico vegetal ou de vaca criada em pasto
1 xícara / 240 ml de kässchmier orgânico e/ou de vaca criado em pasto
5 tomates redondos, fervidos na água, sem sementes e picados
7 lâminas de massa de lasanha de arroz integral, cozidas
1 lb. / 450 g de espinafre baby, aos pedaços, sem raminhos e escaldados
2½ xícaras / 600 ml de queijo duro orgânico vegetal ou de vaca criada em pasto
½ xícara / 60 g de amêndoas fatiadas

Modo de Preparo

Pré-aqueça o forno a 375°F / 190°C.

Junte o leite, tomate e kässchmier numa vasilha pequena.

Numa forma refratária, espalhe uma camada dessa mistura (reservando uma pequena quantidade), seguida por uma camada de massa de lasanha.

Depois espinafres escaldados, metade das amêndoas picadas sobre o espinafre, e uma última camada de queijo duro com o restante da mistura de tomate, coberto com o restante de amêndoa picada.

Leve a caçarola ao forno pré-aquecido e asse por 30 minutos.

Retire do forno e deixe esfriar por 10 minutos. Para servir, corte 8 ou mais quadrados.

Dose: um pedaço / 113gr

Trocas por porção: 2¾ Carboidrato, 1½ Proteína, 0 Gordura

Por Clube Slim Down

Star Wars: Galactic Starcruiser será inaugurado dia 1º de março


A expectativa para a inauguração do Star Wars: Galactic Starcruiser, no Walt Disney World Resort, em Orlando, nos Estados Unidos, dia 1º de março de 2022, é grande e não é para menos! 

Imagine você passar 48 horas hospedado num hotel como se estivesse a bordo da nave Halcyon, a famosa espaçonave do filme Star Wars, com direito a atividades interativas, como se fosse um tripulante e parte da equipe, podendo até aprender a comandar a nave ou manejar corretamente um sabre de luz.

Tudo isto num ambiente com uma decoração temática impecável, com todas as janelas mostrando apenas o espaço sideral, e com muita tecnologia e interatividade sinergética, que vai te levar além da imaginação, vivendo uma experiência que, sem dúvida, será inesquecível! 











Sem contar com a experiência gastronômica intergaláctica que, certamente, será um dos destaques da estadia a bordo do cruzador estelar.

São três formatos de venda, sempre para os dois dias da experiência: para dois adultos, US$4,809; para dois adultos e uma criança, US$5,299 e para três adultos e uma criança, US$5,999. O pacote inclui comida e bebidas no hotel (mas não as alcoólicas) bem como uma entrada no parque Disney's Hollywood Studios, que abriga o setor dedicado à saga Star Wars, Galaxy's Edge.

Preparados para a aventura? Já está em nossa Lista de Desejos!